domingo, 8 de maio de 2016

Frases geniais ditas pela sua mãe e que agora você repete


via GIPHY

ORIGEM DO TEXTO: http://brasil.elpais.com/brasil/2016/05/08/estilo/1462719224_734284.html
Fizemos uma seleção das 20 melhores frases maternas que nos educaram e que agora repetimos


Em um dia, como qualquer outro, você acorda e se vê metamorfoseado em... Sua mãe! É aquele momento em que você se pega repetindo uma frase, provérbio popular ou resposta que ela te disse a vida toda. Às vezes você diz a sentença para o seu filho, às vezes para um amigo, às vezes para um namorado. Não importa. Você sempre vai acabar repetindo o que sua mãe te disse durante toda a sua vida. Por isso, a equipe do EL PAÍS pediu a ajuda de nossos leitores para escolher as 20 melhores frases maternas que todos nós vamos acabar repetindo um dia.

1. “Não sou sócia da... (insira a operadora de eletricidade de sua região)” - Kellen Moraes

Eletropaulo, Light, CEEE. Só muda o nome da companhia, mas a frase é a mesma para todos os filhos de todas as gerações pós advento da eletricidade.

2. “Já ligou pra sua tia pra agradecer o presente?” - Isabela Sperandio

Cobrança feita depois que você, muito mal agradecido, não ligou para dizer obrigado por aquela meia ou por aquele pijama horroroso que ganhou de presente.

via GIPHY

3. “Você pode me enganar, mas não pode se enganar” - Carla Jimenez

Já que ela sabe que você vai enganar ela, talvez valha a pena apelar para sua própria consciência.

4. “Você não é todo mundo” - Bruno Martorelli Di Genova

Clássica resposta para quando você tentava explicar um fracasso seu (em uma prova, por exemplo) dizendo que “ah, mas todo mundo foi mal”.

5.  “Procurou igual a tua cara” - Elaine Oliveira.

Depois de você, muito provavelmente, não ter feito o mínimo esforço para encontrar alguma coisa que ela te pediu. Aqui só não fica muito claro o que “tua cara” tem a ver com procurar de qualquer jeito...

6. “Sai deste banheiro, menino! Faz horas que está aí, o que tem tanto para fazer aí?” - Alberico Silva.

A puberdade é, muitas vezes, a melhor explicação para essa frase de mãe que todo mundo já ouviu algum dia na vida.

7. “Não vai na janela, não brinque com fogo e não abra a porta para ninguém” - Cíntia Cardoso-Delautre.



Os mandamentos que toda mãe faz ao, com o coração partido, ter de deixar o filhote em casa sozinho.

8. “Deixa estar, jacaré, a lagoa há de secar e quando a mãezinha morrer, o filhinho há de chorar” -Sidnei Silva.

Um provérbio originalíssimo e um tanto dramático.

9. “Vai chorar na cama que é lugar quente” -Thaís Castro

Uma recomendação dada por mães cansadas de ouvir chororô.

10. “Se eu e seu pai trabalhamos, o seu trabalho é estudar”- Tatiana Pradines

Uma tática para mostrar que cada um tem sua obrigação e que não, você não vai conseguir fazer com que ela te deixe “faltar na escola só hoje”.

11. “Quem fala mal de alguém para você, também vai falar mal de você para alguém” - Flavia Martins

Uma lógica um tanto radical, mas que tenta mostrar que a maledicência não leva a lugar algum.

12. “Roupa suja não tem perna!” -Daniel Ferreira.

Aparentemente, deixar cueca, calcinha e que tais largados pelo chão do quarto costuma causar sempre a mesma exclamação.

13. “Saco furado não para em pé” -Luiza Martins

Geralmente vinha depois de você se recusar terminantemente a provar jiló ou alguma outra verdura estranha.

14. “Se eu for aí e achar, vou esfregar nessa sua cara” -Maria Hermanson

Uma variação um pouco mais enérgica da velha e boa “procurou igual a tua cara”.

15.  “Entra pra dentro, menino! Sai desse sereno!” -Pedro Oliveira

Ordem para quando, já de noite, você insistia em ficar brincado no quintal.

16.  “Boa romaria faz quem em sua casa está em paz” -Sérgio Cavalcante

Uma mãe lançando mão de um provérbio popular para tentar fazer com que os filhos não frequentem a casa de determinados amigos.

17. “Não fez mais que a obrigação” -Cecília Corrêa

Um incentivo não muito incentivador depois de algum sucesso seu (como, por exemplo, um 10 em matemática).

18. “Só não esquece a cabeça porque tá pregada no pescoço” -Amanda Fernandes

Por que toda criança já ouviu isso alguma vez na vida?

19. “Eu desconfio dos outros, não de você”-Maria Helena Capucci:

via GIPHY

A explicação final para te proibir de, por exemplo, viajar sozinho com os amigos. Mal sabe ela que, muitas vezes, ela deveria SIM desconfiar de você.

20.  “Coração dos outros é terra que ninguém anda” -Sayonara Melo

Um provérbio poético para encerrar a lista