domingo, 20 de dezembro de 2015

A FOTO DE 2015 QUE NÃO EXISTE NA RETROSPECTIVA EUROPEIA

No dia 2 de setembro, a imagem do menino sírio Aylan Kurdi, encontrado morto em uma praia da Turquia após a embarcação de refugiados em que estava naufragar, chocou o mundo. A foto ganhou enorme repercussão, dando ainda mais visibilidade à crise imigratória na Europa e região



Observem, seja no Le Monde, no The Guardian, ou em algum outro portal de noticia de Portugal, da Alemanha, , da Suíça, da Itália e etc, não consta essa foto, a pergunta é,  por que???? Em qualquer retrospectiva que se preze no que diz respeito as imagens, fotos mais  marcantes de 2015 essa foto deveria vim em primeiríssimo lugar, essa foto mostra literalmente, o COMPORTAMENTO NAZISTA EUROPEU durante todo o ano em relação a crise migratória,  fato, podemos concluir portanto que, a imagem é infinita em significado , é eterna, é cosmopolita, indigesta e por fim representativa no que diz respeito a verdadeira essência EUROPEIA: NAZISTA. Basta ver, como publiquei aqui esse ano, o AMOR QUASE QUE INCONDICIONAL QUE OS EUROPEUS TEM POR HITLER ATÉ HOJE.

 Pobre EUROPA. ainda vai sofre muitos , e muitos 13 de novembro de 2015, pobre França, Alemanha, Itália....