quinta-feira, 28 de maio de 2015

XAMBIOÁ, 'CINE MATOS' e o CINESOLAR 2015

 

Quem é filho de Xambioá e hoje tem 20 e poucos anos.... tá, tá, tá eu sei, exagerei na idade, então vou começar de novo: Quem é filho de Xambioá e hoje tem 40 e poucos anos lembra bem do glorioso e inesquecível CINE MATOS, o cinema da cidade, suas sessões era algo maravilhoso, concordo, que os filmes eram quase sempre os mesmo, um dia era de KARATE, outro de FAROESTE e o maior de todos, o de TARZAN, O REI DA SELVA, lembro dos filmes deles, durantes as sessões costumava levantar as pernas naquelas partes do filme que as cobra era personagem principal, na verdade meu receio, ou seria pavor , era de que uma dessas enormes cobras saíssem da tela e ficasse ali mesmo tentando picar as pernas de algum incauto, ia esquecendo,  e quem se lembra do poderoso e enigmático GRITO de TARZAN?,  hoje soa até  hilário. BONS TEMPOS. Pois bem depois de um longo Tempo XAMBIOA volta a ter uma sessão de cinema, e diga-se filmes de primeira linha:





"Xambioa recebe primeiro cinema itinerante do Brasil

movido à energia solar


Cinesolar leva sessões gratuitas de cinema a várias cidades do País: http://www.cinesolar.com.br/      http://www.oficinacomunica.com.br/     https://www.facebook.com/Cinesolar

Projeto é realizado desde 2013 com patrocínio da Votorantim Cimentos




O uso de energia solar vem contribuindo com a disseminação da cultura de maneira sustentável para vários municípios brasileiros. O Projeto Cinesolar é o primeiro cinema itinerante do país movido com a tecnologia energética. Desenvolvida pela Brazucah Produções, em parceria com a Associação Cultural Simbora e SemearteProductil, a iniciativa é patrocinada pela Votorantim Cimentos. O objetivo é democratizar e ampliar o acesso ao cinema brasileiro para os lugares que não têm salas de cinema comerciais ou carecem de equipamentos culturais.



Xambioá (TO) é o próximo município onde serão promovidas exibições de filmes gratuitamente, nos dias 1º e 02 de junho. A sessão no dia 1º, no Anfiteatro da Alameda Tiago Dias, começará às 18h, com uma sessão de cinema infantil e, às 19h, será apresentado o filme “O Palhaço”, de Selton Mello. Já no dia 02, o Cinesolar estará no Povoado Manchão do Meio (acesso pela Rodovia TO-164, Zona Rural). Haverá também sessão infantil, às 18h, e em seguida, às 19h, a apresentação do filme “O Menino no Espelho”, de Guilherme Fiúza.



“É importante apoiar iniciativas que promovam a inclusão social das comunidades mais distantes, contribuindo para o desenvolvimento local. O projeto também incentiva o uso adequado dos recursos naturais, por ser um cinema itinerante movido à base de energia solar”, afirmou o gerente-geral da Votorantim Cimentos de Xambioá, Rodrigo Duarte Moura.



Furgão capta energia solar para projeções à noite

O Cinesolar percorre municípios brasileiros desde 2013, com mais de 130 sessões realizadas em quase 100 cidades, somando um público espectador de mais de 20 mil pessoas. A economia de energia elétrica foi 300 mil Watts, o equivalente a cerca de 750 horas de uma geladeira ligada sem interrupções. A segunda temporada do circuito nacional, iniciada em abril de 2015, contempla 10 cidades de cinco regiões do País. Os filmes exibidos sempre trabalham questões ligadas à sustentabilidade com foco em três eixos: social, econômico e ambiental.



Para que os filmes possam ser apresentados à noite, a energia solar é captada durante todo o dia por um furgão equipado com um sistema capaz de gerar a própria energia para alimentar toda sua estrutura de exibição. O veículo conta com placas solares que possibilitam, por meio de um sistema conversor de energia solar para elétrica, a exibição de filmes e apresentações artísticas. O furgão possui ainda todos os equipamentos necessários para a realização de sessões de cinema e apresentações artísticas: 150 assentos para o público, telão, sistema de projeção e som, além de uma cabine de DJ para acompanhar as atividades."

--------------

(A proposito fiquei quase 1 hora procurando uma foto para postar do velho CINE MATOS, e.. nada, nem no Face , nem em lugar nenhum, não é possível que um município tão jovem não tem carinho por sua própria historia.