terça-feira, 26 de novembro de 2013

REVEILLON 2014 EM COPACABANA 'TERMINA COM MILHARES DE MORTES'




Por mais inconveniente que este blog seja, não gostaria jamais de ter que ler alguma coisa que lembre esse título, e é justamente por isso que é necessário que o título seja esse.

No réveillon do ano passado em 2012/2013, pela primeira vez, depois de anos, fiquei perplexo, diria mesmo assustado com a quantidade de pessoas na areias da praia de COPACABANA, ali entre as ruas Xavier da Silveira e Miguel Lemos, por volta das 23:45 que foi a hora em que chequei, uma vez que moro perto, detalhe, é   um ponto distante do palco principal, acreditem, demorei um absurdo para achar um espaço para colocar apenas uma única cadeirinha de praia. Resumo, nos últimos 3 anos tenho observado um aumento drástico no numero de pessoas que vem de todos os cantos do planeta para comemorar o famoso e inesquecível RÉVEILLON DE COPACABANA, então é preciso que exista uma politica concreta, profissional e sensata em torno da organização, segurança e SOS, todos concordam que o CLIMA DE PAZ REINA, sempre REINOU, mais e se.......... se um tumulto ocorrer, como devemos nos comportar, algo é certo COPACABANA fica literalmente entre as montanhas e o mar, um planejamento é imprecindivel, as ruas de escoamento tem que estar literalmente desocupadas, inclusive daqueles CENTENAS DE CARROS  DA POLICIA MILITAR E DA GUARDA MUNICIPAL. Pensemos nisso.

Todo ano é a mesma coisa UMA FESTA MEMORÁVEL, mais e se algo der errado. Vamos planejar uma festa, uma das maiores do mundo, mais nunca devemos nos esquecer do imponderavel.

E para ser mais explicito e direto, os principais organizadores, digo patrocinadores tem que ter ponderação, bom senso na propaganda de agora em diante, o RÉVEILLON DE COPACABANA NÃO SUPORTA MAIS TURISTA, ISSO É fato. Se continuarem com essa ganancia algo infinitamente superior do que aconteceu com a KISS pode se repetir. Ninguém quer isso.

Isso é um alerta a todos, principalmente ao retardado, alienado e sarcástico prefeitinho aqui do RIO.

E aproveitando que estou falando de 2014, vai ai um feliz ano novo a todos.