sexta-feira, 1 de novembro de 2013

O GRANDE INIMIGO



O grande inimigo do homem, não é explicitamente aquele insuportável desafeto, e sim aquele que critica direta e indiretamente tudo que temos como VERDADE  ABSOLUTA embutida em nossa moral, religião , ética, justiça.... Nesse caso odiamos profundamente e temos como inimigo qualquer indivíduo que não compartilha com nossa lógica existencial. A ponderação, o respeito, o bom senso, quase sempre só tem relevância quando agrada nosso ego.

Dito dessa forma é que, se um indivíduo mata outro, ele não será considerado, por inúmeros motivos, inimigo do homem, da humanidade, mas se esse indivíduo resolve criticar o comportamento dessa dita maioria, da  humanidade, ele de fato será visto como o GRANDE INIMIGO.

A humanidade só é HUMANA quando lhe convém.

O silencio dos covarde se não é o melhor caminho com certeza é o mais indicado, ainda que no fim nada representa o fim de todos é o mesmo, com ou sem inimigo, com ou sem hipocrisia, com ou sem moral, com ou sem religião, no fim , a putrefação nos espera, e é exatamente essa parte que nos faz tão dispensável.