quarta-feira, 28 de novembro de 2012

O LEGADO DA MORTE



O nome MORTE causa calafrio até entre os 'fortes', alguns não ousam sequer pronunciar tal nome, para muitos a MORTE é a desgraça em carne, osso e assombração. Resumo, nascemos e recusamos a morrer, não admitimos perder nossa pacata e idolatrada vidinha de sempre, e o mais hilario é que todos fingem não saber que a MORTE é algo concreto, nós recusamos a MORTE em vida, mesmo sabendo o nosso fim, mesmo assim não admitimos que nosso fim se aproxima, que tudo é uma questão de horas, que nós humanos contabilizamos como dias, ou melhor anos. Onde esse maluco está querendo chegar, você deve estar pensando.

A MORTE é a única coisa de CONCRETO em nossa vida, que nós temos certeza absoluta que vai acontecer, ou seja, se é assim porque não mudamos nosso jeito de ser, de pensar,  por que não nos tornamos mais humildes, mais tolerante, mais isso ou aquilo, por que não mudamos o nosso jeito de se comportar em favor desse 'LEGADO', . Talvez a dificuldade de aceitar isso como 'algo concreto por acontecer', não acende nosso alerta moralista de 'ser', é certo entretanto que somos (segundo nossa hipocrisia egocêntrica) seres superiores, assim somos, assim pensamos e assim sonhamos, superiores, a MORTE para nós é apenas uma desgraça de extremo mal gosto, que chega quase sempre no momento errado.

Não deveria ser assim, todos os dias nos avistamos com a MORTE, todos os momentos do dia olhamos para a MORTE, todos os segundos sentimos a mortes nos olhando, portanto é certo dizer que a MORTE tem um legado, ou pelos menos deveria ter, uma vez que é algo que está sempre e sempre ao nosso lado direta e indiretamente , portanto deveríamos ter uma percepção mais NOBRE, mais SENSATA, mais humana porque não dizer sobre a nossa própria MORTE, deveríamos ter pela MORTE  o mesmo glamour moralista-divino que temos em relação a nossa VIDA, a morte deveria ter um LEGADO de APRENDIZADO em vida, como se ela, a 'MORTE', todas as noites nos lembrasse:"-OLHA AI AMIGO, VÁ DEVAGAR, NÃO ADIANTA CORRER, NÃO ADIANTA SER ARROGANTE, e INTOLERANTE, pense bem amigo, VOCÊ PODE AManhecer  MORTO AMANHÃ."

PONDERADO e SENSATO seria esse o LEGADO da MORTE diante do homem vivo, QUE NADA... o homem enquanto vivo esnoba a MORTE, para ele, para nós a vida sim, é nobre, a vida sim é que tem meios de fazer de nós um NOBRE HUMANO.

No fim e por fim, é isso a MORTE vai chegar, é inevitável, mais enquanto ela não vem, continuamos sendo o PÁRIA da, e na, NATUREZA.

E TENHO DITO, nós somos ARROGANTES, SOMOS MAUS até mesmo diante do comprovadamente inevitável, diante de nosso próprio FIM. Aliás a ÚNICA COISA QUE EXISTE DE PERFEITO em nossa VIDA é NOSSA INFINITA E SUPREMA MALDADE E ARROGÂNCIA em torno do obvio da natureza. 

CONTINUA AMANHA