segunda-feira, 30 de abril de 2012

QUEM É O CIDADÃO ARGENTINO?



A historia ensinou, que as palavras NACIONALISMO e POPULISMO são irmas siamês de DEMAGOGIA e HIPOCRISIA respectivamente. Nada disso importa quando o cidadão é cúmplice desse tipo de governo, de administração, exemplos ao longo da historia e nos dias atuais há aos milhares, e apesar de ser comum, NORMAL NÃO É. Aqui no Brasil por exemplo, nós temos o DEUS da demagogia-hipocrisia,nacionalismo-populismo, o todo poderoso LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA, para mim apenas A MAIOR PIADA DE TODOS OS TEMPOS, para 99% do cidadão brasileiro, não, LULA é tão reverenciado, que chega a ser constrangedor, para o nossa própria percepção do que realmente seja CIDADANIA.

Fico feliz, por saber que pelo menos na AMÉRICA DO SUL, nós não somos os únicos, com elevado deficit de atenção, de percepção. A ARGENTINA, o cidadão argentino pelo que parece é tão ou mais aloprado, débil e alienado como o brasileiro. Dia 27 de abril aconteceu algo inacreditavel no estadio do VELEZ SARSFIELD, 70 mil pessoal celebraram junto com a psicopata e guru CRISTINA KIRCHNER a expropriação da empresa espanhola YPF de gás e petróleo, para estes 70 mil idiotas cidadãos, sim não é porque são de fato idiotas, aloprados e alienados, que deixaram de ser cidadãos argentinos, bom para esta corja o ato covarde e transloucado de CRISTINA KIRCHNER em relação a YPF foi na verdade um ato ato supremo de heroísmo de nacionalismo de verdadeiro amor a pátria. A cegueira ideológica do cidadão argentino parece enredo de filme, ou de algum tango argentino. O que os argentinos, não sabem, ou fingem que não sabem, que não acreditam, é que, este suposto ato heróico de CRISTINA é apenas um disfarce, uma mascara para encobrir uma politica, administração baseada em farsa, fraude e hipocrisia, a questão é: Até onde o cidadão argentino continuara bancando o esquisito, os alienados, e os grandes otários da AMÉRICA DO SUL? No final, CRISTINA em seu discurso disse: "Os jovens devem ser os guardas-costas desse legado histórico"., ao que tudo indica a histeria do cidadão argentino é infinitamente muito mais grave, para eles próprios diga-se, já para o resto do mundo, só resta o deboche , e a intrigante pergunta: QUEM É O CIDADÃO ARGENTINO?

CHILE, sim o CHILE, é lá que está o verdadeiro exemplo de CIDADANIA, é lá que se encontra a verdadeira percepção do que realmente seja CIDADANIA, nem tudo esta perdido na FANTÁSTICA AMÉRICA DO SUL.