terça-feira, 1 de março de 2011

O FASCISMO DO POLITICAMENTE CORRETO

"O fenômeno do politicamente correto é uma das marcas mais claras do fascismo na democracia atualmente. A tentativa de organizar afetos e  comportamentos é completamente fascista, só que isso acontece em resposta à força de determinados grupos organizados na sociedade. Por exemplo, no caso do casamento homossexual e do aborto, grupos que defendem essas posições tem uma força enorme no 'lobby' intelectual na mídia e nas artes. Isso explica por que em pouco tempo eles conseguiram uma pressão tão forte no aparelho do Estado. Explica, por exemplo, o fato de que, embora a AIDS nunca tenha sido a doença que mais matou no Brasil, ela tenha recebido uma atenção gigantesca. Nada contra esse projeto. Ocorre que, em termos numéricos, a explicação é essa: a organização que o grupo de homossexual teve ,e AIDS não é uma doença só dos homossexuais, mas muitos homossexuais foram os primeiros aidéticos famosos. Assim, pessoas de classe social alta, com transito pelas ciências humanas, pela mídia, pela cultura e pela arte, conseguiram organizar uma pressão junto ao Estado que as crianças que morrem de diarréia no Nordeste do Brasil não conseguem. Ou que os cardíacos não conseguem, porque são tão espalhados por tantas classes sociais que não conseguem se entender. Nesse sentido, penso que são camadas de fenômenos que se cruzam. Eu não acho que defender o casamento homossexual seja uma atitude fascista, de forma alguma, e tampouco sou contra. São debates distintos. Entretanto, o que eu identifico  como fascismo é a pressão  sobre o questionamento  da evidencia de que o casamento homossexual seja certo, ou que isso seja algo fundamental para a sociedade. Portanto, a pressão existente para não manifestar qualquer opinião que se aproveite dessa relativização  é fascismo. Assim como a tentativa de reorganizar a linguagem. ISSO É FASCISMO."

O instigante 'ensaio' ai  em cima é do PROFESSOR LUIZ FELIPE PONDÉ em uma entrevista para a revista filosofia do grupo www.escalaeducacional.com.br. Como é que é, você nunca ouvi falar do filosofo LUIZ FELIPE PONDÉ, nunca leu um livro, ou melhor você simplesmente não sabia que existia um intelectual com nome de LUIZ FELIPE PONDÉ,escritor e professor da PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA em São Paulo. Tudo bem ,se você de fato nunca leu nada sobre o professor LUIZ FELIPE PONDÉ não se preocupe, esta provado que VOCÊ é de fato um LEGITIMO BRASILEIRO.