segunda-feira, 29 de novembro de 2010

O ESCRITOR DE 'CAMUS'

"Um escritor escreve, na maioria dos casos, para ser lido (devemos admirar aqueles que afirmam o contrário, porém jamais levá-los a sério). Mas aqui e agora, cada vez mais, o escritor escreve no intuito em não ser lido. Com efeito, a partir do momento em que consegue fornecer matéria para um artigo pitoresco que saia publicado em nossa imprensa de larga tiragem, tem todas as possibilidades de tornar-se conhecido por enorme quantidade de pessoas que jamais o lerão porque lhes bastará conhece-lo de nome e ler o que outros escreveram sobre ele. A partir desse momento, portanto, esse escritor será conhecido (e esquecido) não por aquilo que vale, mas através da imagem que um jornalista apressado terá crido sobre sua obra. Portanto, para criar um nome nos meios literários já não é indispensável escrever livros. É suficiente passar como autor de um livro qualquer que tenha sido comentado pela imprensa vespertina, sobre o qual se poderá dormir daí por diante". (Albert Camus)