terça-feira, 5 de outubro de 2010

ELEITOR MAL CARATER

O título poderia ser O ELEITOR MAU CARÁTER, no fundo não importa, pois não trato aqui de bom ou bem, e sim de mau comportamento, de mau caratismo,ou que seja  de mal caratismo, porque neste caso tanto faz escrever mau ou mal porque de nada vai mudar, embora neste caso especifico o termo real é MAL CARÁTER, ou MAL CARATISMO, e logo perceberão o por quê. Ontem no post TOCANTINS ELEGE UM TIRANO eu chamei os eleitores do Tocantins de mal caráter, e ai vem a pergunta, por que mal caráter?  É simples o mau caratismo é empregado toda vez que se elege um politico comprovadamente DEMAGOGO, CORRUPTO,, LADRÃO, PILANTRA, e neste caso é muito comodo banalizar estes termos, o que não podemos é aceitar que se generalize, que se banalize o termo ÉTICO, ÉTICA, MORAL, MORALISMO, pois dai estamos jogando literalmente no lixo tudo que RUY BARBOSA disse nesta frase: "Toda a politica se há de inspirar na moral. Toda a politica há de emanar da moral. Toda a politica deve ter a moral por norte, bússola e rota."

Portanto é mal caráter todo aquele eleitor que votou na família Sarney na família RORIZ, que votou nos Calheiros, que votou em SÉRGIO CABRAL FILHO, pois este é comprovadamente o baluarte do demagogismo hoje no Brasil, e por falar em Sérgio Cabral  Filho ontem ele disse que esta era sua ultima eleição, quer dizer que além de demagogo, o cara vai ser taxada também de hipócrita, mesmo, que ele esteja dizendo a verdade, é de se supor que obviamente está contando com os ovos de ouro do petismo, digo da Dilma Rousseff, digo de LULA, pois é certo que daqui a 4 anos, ou vai dar novamente Dilma Roussef, ou vai dar novamente Lula, portanto pelos menos um ministério o senhor Sérgio Cabral  Filho tem garantindo pelos próximo 8 anos, ou seria 12 anos, quando digo Dilma Rousseff estou dizendo dentro da logica do PT, ou seja daquela logica que nada vai impedir sua ELEIÇÃO.

Pois bem vou deixar o senhor SÉRGIO CABRAL FILHO de lado, dele eu tenho pelos menos uma centenas de post armazenado para despejar pelos próximos 4 anos, inclusive de seu maior programa de DEMAGOGIA criado nos últimos 30 anos que são as UPP. O eleitor brasileiro é mal caráter, porque ele sabe de antemão que o politico que votou é um politico ficha suja, um politico sem caráter, quando se votar em alguem, quando se vota propositadamente em politico mal, mau caráter este eleitor está sendo cúmplice diretamente de seu mau caratismo.

Infelizmente, está havendo no Brasil algo rotineiro, as instituições os homens públicos, a própria imprensa está sendo banalizada, e isto por motivos óbvios, não é bom, quando um pais não respeita suas principais instituições corre se o risco da democracia pender para o anarquismo, na verdade são vários os fatores que comprova isto. Semana passada o Presidente da nossa Suprema Corte se omitiu, se acovardou e contribui celeremente para o pais se tornar em uma legitima anarquia democrática, quando Cezar Peluso abdicou de dar o voto de desempate na questão do Ficha Limpa ele colocou literalmente o pais numa especie de democracia anárquica,O ministro do Supremo Tribunal Federal neste caso especifico se comportou literalmente como um legitimo medroso, covarde, na ânsia de se mostra respeitoso as leis, ele terminou por colocar o pais num limbo, Cezar Peluso um dia vai ter que assumir seu erro, caso contrário sua biografia vai mostrar os fatos,  temos também o caso do Presidente que não respeita as leis, a própria constituição, temos o caso explicito do Presidente do Senado metido até o pescoço em casos obscuros que nunca foram devidamente elucidado, tudo isto e muito mais são exemplos incontestáveis de como um eleitor mal caráter prejudica, o pais, de como uma instituição sem poder, omissa prejudicar a formação de uma DEMOCRACIA PLENA. Não basta apenas votar, tem-se que sempre e sempre analisar criteriosamente o histórico, a biografia do politico, concordo que isto hoje no Brasil ,  por uma questão de educação, educacional é impossível, pois como evitar que se votem em pessoas como o senhor Senhor Cabral Filho se ninguém saber a profundidade do significado da palavra DEMAGOGIA, como querer impedir a eleição de um Siqueira Campos de uma Roseana Sarney se população não tem discernimento , percepção para as coisas mais visíveis, mais literais, mais escancarada que seja. O eleitor brasileiro, parte dele é mal caráter porque votar propositadamente em políticos mal caráter, e isto prejudica a todos, mata a população, prejudica a saúde, a educação, a segurança, quando um eleitor mal caráter assume seu mau caratismo se coloca no lixo toda a questão da ética, da moral, é como se vivêssemos em um país onde tudo é PARCIALMENTE PERMITIDO, e a própria imprensa se perde no meio de tanta podridão, ela mesmo na ânsia de dizer a verdade, termina se tornando as vezes, parte desta podridão.

O eleitor mal caráter existe e , infelizmente é real, cada vez mais real.

CONTINUA AMANHA.