sábado, 15 de maio de 2010

TODOS SÃO NAZISTAS - PARTE 2

AUSCHWITZ, ao contrário do que se pensa, não foi um caso único na humanidade, foi apenas um tipo, digo, um típico caso do que nós somos capazes de fazer. E quando se tenta privilegiar o HOLOCAUSTO como acontecimento único, singular, estamos na verdade fugindo do principal, ou seja, querendo dizer que tudo aquilo foi feito por aberrações humanas, nós não admitimos que ao separar o massacre nazista, estamos fugindo do nosso holocausto de cada dia, do massacre humano, do genocídio mortal e moral, de todos as atrocidades cometidos por nós todos os dias. Estamos banalizando a violência, o comportamento suicida, genocida, e monstruoso que temos em relação a vida, ao nosso semelhante, a nós mesmo, a natureza, e com isto fugindo da responsabilidade , na realidade hoje infelizmente não existe INDIGNAÇÃO pessoal, TUDO DEPENDE DO QUE A MIDIA JOGA NA NOSSA CARA.

Ao colocar o NAZISMO , o HOLOCAUSTO como acontecimento ápice da monstruosidade humana, estamos de forma inconsciente, concordando e nos acomodando com todos os holocausto que atualmente a humanidade presencia e se silencia. E o fato de colocarem o holocausto como um acontecimento 'intocavel', não nos permite abonar tudo de macabro que vimos de forma passiva e covarde. Alguns dirão, que nos campos de concentração aconteceu coisas inimagináveis, que aquilo tudo não é digno de comparação, pois como comparar o extermínio de milhares de pessoas, da forma mais irracional possível, como ocorreu com as atrocidades cometidos por cientistas usando o homem como cobaia, ou então do caso em que "bebê e crianças eram jogados a cães ferozes, cães-lobos, que os trucidavam". Ai pergunto: quantas crianças, bebes não são trucidados, todos os minutos mundo afora, ou por abandono, por fome, por violência, atrocidades, por concordancia de seus pais e país. As pessoas como sempre vão dizer que uma coisa é completamente diferente da outra, e que não há hipótese capaz de tal comparação, e é exatamente por existir este tipo de pensamento, acomodamento, comportamento e concordancia, que somos todos nazista, no fundo , o diagnóstico é o mesmo.

CONTINUA AMANHA