segunda-feira, 17 de maio de 2010

TODOS SÃO NAZISTAS, E A INTOLERANCIA - PARTE 4

O genocídio, o holocausto, seja onde for e de que forma for, tem que ser lembrado no contexto do ápice da intolerância humana, e ir além deste 'APICE DE INTOLERANCIA' é diminuir, menosprezar, tratar como fator menor, toda a intolerância que temos hoje, é sobretudo, abonar esta intolerância com o batido argumento que ha apenas uma verdade, apenas um Deus, de que o holocausto houve apenas um, e este indescritível. O que existe hoje, é uma tendência mundial para disseminar a INTOLERÂNCIA, e com isto se chegar ao que temos hoje, uma completa e monstruosa ausência de indignação, uma passividade assustadora. o comportamento irracional, e monstruoso do ser humano a tempos passou a ser parte do ENTRETENIMENTO desta mesma humanidade. A morte, os casos assustadores, macabros de homicídio, hoje é visto como sinonimo de IBOPE, audiencia, em que todos ficam supostamente petrificados com tanto sangue frio, com tanta ousadia e irracionalidade, afinal qual a real diferença de um legitimo e típico NAZISTA encarregado por um grandioso campo de concentração, com o HOMEM COMUM DE HOJE? NADA, NENHUMA, não a menor diferença entre ambos, dêem um mínimo de poder a este homem comum, apague a luz e verás o que ele será capaz de fazer a seus semelhantes. A HUMANIDADE CONTINUA A MESMA, CONTINUA JOGANDO CRIANÇA PARA SACIAR A FOME DE CÃES FAMINTOS, CONTINUA QUEIMANDO PESSOAS VIVAS, CONTINUA CORTANDO PESSOAS VIVAS, CONTINUAM MORRENDO DE FOME, CONTINUAM ESCRAVOS, CONTINUAM MONSTRUOSOS E CONTINUAVAM HIPÓCRITAS, RELIGIOSOS E IMORAIS. E A INTOLERÂNCIA CONTINUA , , infelizmente, REINANDO, basta nascer, que lá vem os pais, educadamente, adestrar suas crias, adestrar mais um INTOLERANTE, MAIS UM MONSTRO. A NEGAÇÃO EM TORNO DESTA EVIDENCIA, É O QUE NOS TORNA, INFINITAMENTE PIORES QUE OS NAZISTAS.



INTOLERANTISMO: Doutrina máxima da humanidade, sistema dos que não admitem opiniões, atitude, cor, nacionalidade ou o quer que que seja, diferente dos seus, das suas..