sexta-feira, 20 de novembro de 2009

MAIS IDOSOS, MENOS CRIANÇAS

"A população mundial de idosos está crescendo como nunca, e os maiores de 65 anos em breve serão, pela primeira vez, mais numerosos que as crianças menores de 5 anos", está noticia roubei de um jornal e mostra claramente o que nos espera, não que seja assustador, esta possibilidade, pois como é sabido, aqui em copacabana, no horário de pico, na avenida Nossa Senhora de Copacabana, a principal do bairro, é praticamente impossível se ver uma criança, no entanto os idosos estão repleto, um verdadeiro formigueiro humano. Então fiquemos assim, chegará o dia, e não tardará, que haverá mais idosos do que crianças, haverá mais doentes do que fortaleza em forma de pessoa, haverá mais problemas do que soluções, haverá mais gente maltratando idosos do que maltratando crianças, haverá mais filhos renegando seus pais doentes, do que filhos nascendo, haverá mais desgosto do que gosto, acho também que haverá mais gente querendo se eternizar, que nem Matusalém. Quando este dia chegar, as mulheres, mais do que nunca se sentirá num pedestal, para que crianças, se a vida é mais bela sem elas... não é assim mulherada, este dia, será um dia nublado, com temperatura oscilando em menos 2 negativos e 12 positivo, será um dia normal... mas que , sinceramente, quer saber? vou torcer fervorosamente, para estar morto, quando este dia chegar.