sábado, 24 de outubro de 2009

A VERDADE E A LOUCURA

"Casuística: é permitido sacrificar a humanidade à verdade?

1. Não é possível! Se Deus o quisesse, a humanidade poderia morrer pela verdade.

2. Se isso fosse possível, seria uma boa morte e uma libertação da vida.

3. Ninguém pode, sem um pouco de loucura, acreditar tão firmemente possuir a verdade: o ceticismo não tardará a chegar.

À pergunta: é permitido sacrificar a humanidade a uma loucura? deveríamos responde que não. Mas na, prática isso acontece, porque o fato de acreditar na verdade é precisamente loucura". (N.)

Então fiquemos assim, todo aquele que duvida ou debocha da 'verdade' propagada é tachado de louco, ou de ateu, pois, esta mesma 'verdade', só é tratada como tal, não porque de fato é verdade e sim porque seus divulgadores às tem como sendo 'verdade' e repudiam e denigrem qualquer outra tipo de opinião ao contrário. Assim sendo a dita 'verdade', só é mesmo 'verdade' porque é imposta e não porque é sinonimo de VERDADE. Diante disso que me proclamo o mais novo louco do pedaço. O maior defeito da verdade cristã, vem do fato dela ser 'uniforme', ou melhor aparentar ser, mesmo sabendo da impossibilidade disso, uma vez que ela mesmo se contradiz.