segunda-feira, 19 de outubro de 2009

DEUS E O OTIMISTA

- O otimista é um bom sujeito, apesar de ser excessivamente otimista;

- O otimista, é o resultado final de babaca, com idiota, acrescentado a uma pequena dose de ridículo, mas é um bom sujeito;

- Para o otimista, o mundo não acaba, quem terá um péssimo fim é a humanidade, ele acredita nervosamente na reencarnação, em dias melhores, eu tenho lá minhas duvidas se ele também não acredita na eternidade de sua própria vida, pois para ele a vida é só uma passagem, para algo, bem mais sublime;

- Vocês já perceberam que não existem otimista desempregado, pobre e nem depressivo, ele sempre arranja um jeito de se colocar em um pedestal;

- Para Deus o otimista é um alienado com mania de grandeza;

- Deus tem uma inabalável convicção que o otimista tem lá sua utilidade, afinal o que seria da fé, da religião e da verdade bíblica , se não houvesse o otimista;

- O problema de Deus e o otimista é que este acredita cegamente em tudo que dizem sobre o primeiro, enquanto Deus está a cada dia mais de saco cheio, com os exageros do otimista;

- Na verdade Deus só suporta o otimista porque acha, que sempre tem que ter o idiota, para alavancar a moral humana, do contrário o peso seria insuportável;

- No final das contas o otimista é um mal necessário, vai ver é por isto que Deus lhe trata com uma invejável compaixão, pois é melhor ter um puxa saco na terra do que te-lo ao seu lado direito, ou esquerdo, tanto faz, mesmo porque ter um otimista por perto deve ser mesmo algo insuportável.