quinta-feira, 4 de junho de 2009

QUAL O VERDADEIRO VALOR DE UMA FAMILIA - Parte II

Isto tudo é balela, falso, coisa de gente ignorante, burra mesmo, o que precisamos , o que de fato todo ser humano precisa, é de afeto, e este afeto pode vim de qualquer um, inclusive de um cachorro(brincadeira gente...). O ser humano nos 8, 9, 10 primeiros anos de vida, necessita de alguém que lhe respeite, que lhe trate com amor, carinho, com dedicação, atenção, isto é afeto. Este afeto pode vim só da mãe, só do pai, só de um avô, ou mesmo de uma pessoa estranha. A pessoa pode viver em uma grande e linda família e ainda assim se tornar um delinquente e traumatizado. A criança pode ter sido criada em um orfanato, mas se lá ela teve afeto, pode ter certeza que ela será uma pessoa normal, e preparada para enfrentar qualquer grande obstáculo da vida. Quando se da um valor exagerado aos laços familiares corremos o risco de criar uma pessoa mimada, acomodada que no futuro terá dificuldade de andar com suas próprias pernas, em ter sua própria opinião. A grande família só tem uma única e prestável serventia, a de sempre abonar qualquer coisa de ruim que fazemos, serve sobretudo para nos salvar, nos resgatar de algum tipo de encrenca. É ou não é???? Talvez seja por isto que muitos defenda os laços familiares, para nos socorrer de nossas burrices, a família sempre sustenta e abona os nossos erros. Ai é mole crescer....

-----------

Segunda-feira finalmente a justiça deu um parecer sobre o caso do menino Sean Goldman, de 9 anos, o juiz Rafael Pereira Pinto da l6 vara Federal do Rio deu 48 horas para o garoto ser entregue ao consulado americano. O mais irritante neste caso não é a opinião de falsos pais, e sim a lentidão da justiça neste caso, que embora seja justa é tardia e provisória, pelo menos até se saber dos próximos passos da renomada família Lins e Silva.......

...A última noticia sobre o caso, informa que o ministro Marco Aurélio se posicionou a favor da permanência do garoto até que o mérito final seja julgado no STF, mais uma vez nosso Supremo se supera.... Eu já sabia. Afinal a nossa suprema justiça é qualquer coisa assim...... é sempre e sempre ineficiente e injusta.