segunda-feira, 20 de abril de 2009

ESTAMOS EVOLUINDO OU REGREDINDO? - Parte II

- A nossa medicina inovou, as pessoas vivem mais e melhor, porém nada disso ainda, nos livrou de coisas horríveis para quem teima em chegar aos 100 anos como sinonimo de viver melhor, de conquista humana, como a solidão, a angustia de ver , presenciar a mortes daqueles que amamos, e o pior, o desprezo cada vez maior dos tais jovens. Afinal qual a vantagem de se tornar um Matusalém?

- Todo o nosso excesso de conhecimento, de informações de modernidade, só fez aumentar o nosso desespero em procurar sempre e sempre por coisas que esta além do nosso conhecimento, as pessoas estão a cada dia ansiosa por uma religiosidade que esclareça o por que, hoje surgem igrejas com a mesma rapidez que aumenta a depressão, a nosso desconforto existencial, o egoísmo e todos os males típicos de quem tem tudo e não tem nada, típico de quem precisa apenas de uma única e irrecusável coisa, a tão sonhada e impossível 'afeição eterna'. Infelizmente com todo este excesso de religiosidade e modernidade só faz com que nos tornemos mais e mais reclusos em um mundo em que a aparência seja o mesmo que confiabilidade, onde a liberdade de expressão , de pensamento, no sentido literal, também seja sinonimo de coisa má, e com isto estamos tornando as coisas cada dia mais complicada. Para se ter, para se dar afeição, é preciso a colaboração da 'solidariedade do tempo', pois assim podemos descansar e refletir para se iniciar um simples questionamento, afinal estamos evoluindo ou regredindo?