segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

COLA DE OPINIÃO

Aqui é assim, se o Caetano falar que fulano é bom, se canta bem... então tá, então ele é bom mesmo, e isto passa a ser definitivo.. cria-se com isto uma sociedade 'uno' de pensamento, 'uno' de opinião e 'uno' de mediocridade. As únicas controversas que vejo por estas bandas e sobre o nosso inesquecível roqueiro parceiro do Raul Seixas, mais conhecido como escrito Paulo Coelho. O resto é tudo cola, se personalidade tal, falou tal, deu tal entrevista afirmando opinião sobre tal pessoa, então eu colo e assino em baixo, aqui ninguém questiona, discorda, ninguém debate, os nossos debates é confundido com dialogo, entre um fala uma coisa e o outro concorda discordando, ou algo assim tudo muito civilizado, até parece que moramos em um país de faz de conta de contos de fada, onde todos acredita no Rei, independente que ele esteja ou não dizendo a verdade, se o que ele fala é certo ou errado, é bonito ou ridículo. O brasileiro, ou melhor nós, sofremos de uma doença grave, a síndrome da unicoletivo, que vem a ser a deficiência de opinião coletiva, no plural, aqui tudo vem do uno para o coletivo, uma minoria da voz e o resto engole, um bando de tapados, medíocres mesmos, e o que somos, ainda tem gente que fala que existe discussão, debate, ou seja lá o que for em torno de algo, um pouco de anarquismo, de opinião própria, de maldizer, de deboche, de expressão de 'dane-se', não nos faria mal algum.