quinta-feira, 13 de novembro de 2008

O SENSACIONALISMO CHULO DA REDE GLOBO

Hoje cedo o jornalista global Renato Machado, no telejornal Bom dia Brasil, afirmou na abertura"...um tiroteio parou ontem, toda a zona sul..." Eu moro nas proximidades, e circulei ontem por Copacabana e Ipanema, antes, durante e depois do ocorrido, e não vi, rigorosamente, nenhuma rua fechada, nenhum comercio fechado, nenhuma correria entre estes bairros... portanto "parou" o que cara pálida? Houve sim um tiroteio, correria, morte, mais apenas num ponto especifico, e isto no alto do morro, nada que sequer desse para ser percebido entre os moradores dos dois bairros, que por sinal só ficaram sabendo pelo rádio, e os telejornais do meio-dia.

Esta não é a primeira , e nem será a última vez que a Globo quer chamar atenção de algo que ocorreu, é verdade, mais o sensacionalismo, o exagero, a falsidade da noticia em si, prejudica em cheio a imagem da cidade justamente entre os brasileiros, isto num momento em que todos estão se decidindo onde passar a virada do ano. O Rio deixa de receber algo como 2 milhões de turistas brasileiros por ano, graças única e exclusivamente a este tipo de noticia. O problema da violência no Rio , é sério, critica, mais não será exagerando, nem noticiando falsos acontecimentos, que iremos resolver este problema. Onde esta o compromisso com a verdade, tão propagado pela emissora?