segunda-feira, 29 de setembro de 2008

O GRANDE PATETA

A expectativa em torno do primeiro debate entre os candidatos norte-americanos era justificável, pelos motivos já sabidos. O debate começa, e logo algo estranho acontece, o mediador pergunta uma coisa e os candidatos respondem outra completamente diferente, aí o mediador insiste na mesmo abordagem e nada, aí o mediador sugere um dialogo tipo olho no olho, novamente os candidatos agem como se não fossem com eles. Resumo da ópera, Obama se comportou como um garotinho com excesso de Q.I., e McCain como um velho professor irritado com seu aluno irritante, a verborragia dos dois foi gritante. De um programa que prometia ser legal, terminou como um legitimo programa furado, e seja quem for o próximo presidente dos EUA, todos, por incrível que pareça vão terminar por sentir saudade de Bush, bate na madeira, rápido. Agora a decisão esta com o grande público para decidir quem será o grande pateta.