sexta-feira, 15 de agosto de 2008

O ENIGMA STF

As recentes interpretações do STF para alguns questionamentos como as dos políticos ficha-suja ou o uso "abusivo" de algemas entre outras decisões, me faz pensar numa questão no mínimo interessante. Até onde vamos com isto? Até que ponto as decisões do STF representa a verdade? Alguém pode afirmar que as decisões do STF é simplesmente para ser acatada, não questionada, ou algo neste sentido, se isto for verdade para que então existe a liberdade de expressão? Só para lembrar: recentemente foi pedido o impeachment do presidente do STF.Se isto aconteceu, é porque existe algo de muito estranho no reino da justiça. A supremacia das decisões do STF , nos leva a entender que todas as decisões estar amparada na supremacia da Verdade. Porém "a importância da verdade aporta-se da posição da pessoa que a representa. A verdade subsiste por si mesma e tem de poder ser examinada por todos. Experiências singulares que não possam ser generalizadas não podem possuir status de verdade. Uma verdade é feita de modo que em princípio possa ser conferida por todos. Todos são iguais diante da verdade. Não existem privilégios." Portanto se formos tomar esta definição no sentido literal, pode-se constatar que algumas decisões do STF são e podem ser questionada, porque não foram poucas as instituições que se portaram contrária, equivocadas, diante destas decisões.Se se elas podem ser questionada é porque são decisões amoral, ou seja que não possui o senso da moral. O enigma do STF estar em tentar se descobri porque um colegiado de juízes do mais alto nível toma decisões tão ingénua, a ponto de se ficar na duvida se esta mais alto corte estar legislando em favor de um país chamado Brasil, ou seria de uma França. Afinal qualquer um pode afirmar que a verdade só é realmente verdade quando os fatos,as ocasiões,as atitudes nos favorece.É lógico que isto tudo pode ser fruto de um pensamento ingénuo, assim como ingénuo é algumas decisões do STF. ----http://xambioa.blogspot.com--